Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Beatriz Gosta conduz a websérie #SEXOCOMSENTIDO da Abraço

toy beatriz gosta abraço sexo (1).jpg

A Associação Abraço lançou uma websérie que conta com a apresentação de Beatriz Gosta e o contributo de convidados muito especiais. A estreia ocorreu no passado dia 15 de Setembro e teve como convidado o cantor Toy.

 

Conduzida por Marta Bateira, mais conhecida como Beatriz Gosta, a websérie #SEXOCOMSENTIDO vai contar com 12 episódios, lançados todas as semanas nas redes sociais da Associação Abraço, até à data em que se assinala o Dia Mundial da Luta Contra a SIDA, dia 1 de Dezembro. Todas as semanas, um convidado fala de um tema tendo em conta a sua experiência pessoal, guiado pela sinceridade e descontracção típicas da Beatriz. O leque de convidados é abrangente e entre eles temos Toy, António Raminhos, Sónia Tavares, Raquel Tillo, Pedro Crispim, Tânia Graça, entre outros.

Esta websérie vai incluir temas pouco convencionais como chemsex, fetiches, sexo oral, sexo lésbico, sexo entre homens, mas existem também temas obrigatórios como infecções sexualmente transmissíveis, viver com VIH e/ ou Hepatite B e C, profilaxia pré-exposição (PrEP) e pós-exposição (PPE), entre outros temas importantes, com muito humor à mistura.

Para além de estar disponível no Facebook, Instagram e Youtube da Associação Abraço, todos os episódios serão gravados em formato de podcast e disponibilizados no Spotify. 

No primeiro episódio Toy não deixou nada por dizer, nomeadamente sobre o sexo depois dos 50, fazer amor todos os dias, a importância de usar preservativos, de fazer o teste ao VIH, tesão, estimulação anal,  brinquedos sexuais, swing, homossexualidade entre outros temas. Para o cantor português é mais do que hora para a discriminação relativamente à homossexualidade terminar. "Há preconceitos que têm de acabar rapidamente - um é o da homossexualidade!". Assiste aqui a todo o episódio:

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.