Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Novo guia para turistas LGBTI alargado ao Alentejo e Algarve

LGC 2019.jpg


A poucos dias do arranque do mês do Orgulho LGBTI, ficou disponível a edição 2019 do guia Lisbon Gay Circuit. Na capa deste ano está a DJ Filha da Mãe

A edição deste ano conta com 55 parceiros entre discotecas, bares, hotéis, restaurantes, lojas, serviços e transportes. Pela primeira vez o guia alarga a sua presença geográfica em torno da capital, incluindo parceiros e serviços LGBTI ou gayfriendly das regiões do Alentejo e Algarve.
O guia é apresentado em inglês, é constituído por um mapa em papel e um site (www.lisbongaycircuit.com), e dispõe de 11 secções: Discotecas & Festas, Bares, Restaurantes, Alojamentos, Lojas, Transportes & Tours, Saunas, Serviços, Comunidade LGBTI, Praias e Agenda com os principais eventos. Destaque também para um roteiro de praias gay friendly ou nudistas, como a praia 19 (Costa de Caparica) ou Meco.
O mapa em papel, com uma tiragem de 20 mil exemplares, é distribuído em mais de 60 pontos em Lisboa e no sul do país. Ao longo do ano o mapa será também distribuído noutras cidades do país e no estrangeiro. Graças a uma parceria com a brasileira Guiya Editora, o Lisbon Gay Circuit será também promovido nos Guias Gay São Paulo, Floripa, Brasília, Salvador e Belo Horizonte.

O Inquérito aos Hábitos de Turismo e Lazer de Pessoas LGBTI Portuguesas, que contou com a participação de 1414 pessoas que se identificam como LGBTI, indicou Lisboa como a cidade portuguesa mais atractiva para turistas LGBTI (83,1 por cento dos inquiridos). Já quando se perguntava sobre a cidade ou região com mais potencial para crescer em termos de captação de turistas LGBTI, o Porto destacava-se com 30,9 por cento dos votos dos inquiridos. De seguida surgiam como região/cidade com mais potencial o Algarve (21 por cento) e Lisboa (20,8 por cento). No ano de 2018 Portugal recebeu mais de 12,7 milhões de turistas. Estima-se que 10 a 15 por cento representem turistas LGBTI.

O Lisbon Gay Circuit e o projecto congénere Porto Gay Curcuit são os únicos roteiros em papel e online dirigidos aos turistas LGBTI.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.