Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Odette Ferreira homenageada em Coimbra

odette ferreira.png

A exposição “Odette Ferreira - Construir Futuros” é inaugurada a 4 de Março, às 17h30, no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra. A homenagem à cientista e farmacêutica portuguesa insere-se na programação da 22.ª edição da Semana Cultural da Universidade de Coimbra, que tem como mote “Ousadia(s)”.

O tema não podia ser mais adequado para celebrar aquela que foi uma das mais reconhecidas cientistas portuguesas. Responsável pela descoberta do vírus VIH-sida de tipo 2, Odette Ferreira coordenou a Comissão de Luta Contra a Sida entre 1992 e 2000.

A exposição “Odette Ferreira - Construir Futuros” foi originalmente apresentada no Museu da Farmácia em Lisboa, onde foi inaugurada pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a 21 de Fevereiro. Seguiu depois para o Museu da Farmácia do Porto, onde permaneceu até agora.

A exposição apresenta objectos da vida profissional e pessoal de Odette Ferreira. Será exposto o diário científico, manuscrito onde registou todos os passos da investigação que culminou na descoberta do vírus VIH/sida tipo 2, em 1985. Da exposição fazem parte o microscópio de trabalho e o casaco onde transportou, de forma não convencional, a amostra de sangue para Paris, a partir da qual seria descoberto o vírus. Os visitantes podem ver também o primeiro kit utilizado nas farmácias para o Programa Troca de Seringas.

À entrada da exposição, os visitantes vão experimentar o isolamento, solidão e exclusão a que eram sujeitos os doentes seropositivos. Odette Ferreira combateu a ignorância e o preconceito, tendo enfrentado uma sociedade altamente conservadora, na tentativa sempre renovada de salvar vidas humanas. A defesa dos marginalizados mostrou que o seu exemplo de vida ultrapassa e projeta os feitos notáveis alcançados.

A professora Maria Odette Ferreira faleceu em 2018, a 7 de Outubro, aos 93 anos.

A exposição tem entrada livre.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.